domingo, 18 de abril de 2010

MOMENTOS ORGÁSTICOS!!!



Quando sobrevoei o Himalaya pela primeira vez ( fui mais duas vezes depois dessa), pensei: Posso morrer agora! Não que eu quisesse morrer (nunca quis), mas era uma sensação tão grande de plenitude e paz, que entendi que é assim que a morte deve ser! Paz, libertação..plenitude...

Isso é que chamo de momento orgástico, pois o orgasmo não deixa de ser uma pequena morte, os franceses chamam de " La Petit Mort", é um estado de entrega, de libertação, que produz um prazer que é mais do que corporal, é na alma!

Já tive muitos momentos orgásticos na minha vida....Muitos deles absolutamente inesquecíveis ...mais inesquecíveis do que qualquer orgasmo que o sexo tenha me proporcionado, por mais deliciosamente prazerosos que eles tenham sido!

Nesses momentos orgásticos, todo o meu corpo é envolvido por minha emoção, eu estou absolutamente mergulhada na experiência, e é como se nada mais existisse na vida, além daquilo que estou vivendo ali. Não existe passado nem futuro, por mais próximos que eles estejam, só o presente...só o exato instante...só a minha respiração daquele segundo...só a intensidade maravilhosa de estar inteiramente consciente de si mesma e naquele exato instante...

Imagino a minha morte assim, talvez por isso não tenho medo dela. 


Fico muito feliz por muitas experiências orgásticas que eu tenho me proporcionado em vida! Descubro que quanto mais intensa e inteira aprendo estar na minha vida,  menos medo tenho dela e por consequência menos medo da morte também, e posso viver mais e mais intensamente sem medo de viver ou de morrer.

A semana que passou, fui a um show de Elton John. Adoro tanto ele, que acredito (rss) que ele compôs "Your Song" para mim! Entretanto, nunca imaginei que um dia eu fosse a um show dele. Acho que meu desejo era tão grande quanto a noção da impossibilidade em realizá-lo. Não me lembro de pensar que um dia isso fosse acontecer, mas aconteceu.

Eu sobrevoei o Himalaya e eu fui a um show de Elton John. Eu chorei em ambos, eu me emocionei e fiquei quieta, em mim...fiquei consciencte de mim...imersa nas minhas emoções...para mim, não existia ninguém naquele show além dele, e eu. Nesses momentos, o tempo para...o tempo nem existe....tudo ganha uma outra intensidade e dimensão.

Já vivi alguns momentos orgásticos em lugares lindos no mundo...Na Índia, Nepal, França, Itália, Alemanha...Já vivi momentos assim em muitas experiências espirituais, em inciações e em cerimônias que me tomaram completamente ...vivi isso no parto dos meus filhos...na doença do meu marido tive momentos de vivenciar no corpo e na alma um amor tão grande que transcendia tudo...Lembro de assistir muitas vezes o Pôr-do-Sol e sentir isso...Felicidade, Paz, Plenitude!

Sou Feliz! 
Sou Feliz!  Me permito a sensação de nada me faltar. 
Sou Feliz!  Me permito a sensação de estar inteira!
Sou Feliz! A vida e a morte são como orgasmos!
Sou Feliz...Elton John cantou "Your Song" para mim naquela noite!


Ludmila Rohr





5 comentários:

  1. Lud, que inspiração amiga! relata estas sensações maravilhosamente...nos fez recordar momentos orgásticos lendo suas experiências. Gostaria de sentir que a morte também pode ser um destes momentos, infelizmente não cheguei lá e ainda me assusta, obrigada por nos lembrar destes sentimentos de felicidade. Bss, Nubs

    ResponderExcluir
  2. Ludmila, lendo seus sentimentos realmente sinto-me revelando algumas sensaçõs de prazeres inesquecíveis,como por exemplos momentos únicos em minha vida: meu casamento e o nascimento de meus 04 lindos filhos, o dia de minha formatura com a presença de meus pais que viviam longe de mim e que naquele momento eu estava homenagiando-os. Também, muitos outro como a vivencia alucinante do Show de Elton John que tambem me senti... hummmm!!!! FELIZ.
    Sinto-me muito feliz, em saber que temos a capacidade de vivenciarmos coisas tristes e nos refazer com lembranças de sentimentos inesqueciveis. ESTA É A VIDA, saber combinar e aprender com os sentimentos vividos.
    Obrigada pelas oportunidades e por sua sabedoria de expressão. Você tem aguçado os nossos íntimos e com isto nos faz buscar mais nossa felicidade interior.
    Beijos da amiga Graça Groberio.

    ResponderExcluir
  3. Dinalva Fernandes19 de abril de 2010 15:26

    Lendo vc agora, entendo tantos e tao eternos momentos orgasticos ja tive e que passou tao despercebido, talvez pelo meu proprio desconhecimento de valorizacao de sensacoes.
    Estou engatinhando para a minha propria descoberta de determinados momentos tao pequenos e de IMENSO, ETERNO e INESQUECIVEL prazer.
    beijooosssss
    Dinalva

    ResponderExcluir
  4. Amiga, como é bom ter vc aqui em Houston. Sim, porque se você não estivesse aqui talvez eu não teria o prazer de estar lendo agora o seu blog. Obrigada por ser você!
    Ouvindo você(ouço a sua voz nesse momento) falar dos momentos que tocam a nossa alma me faz recordar de muitos na minha vida. Guardo cada um deles comigo, poque esses momentos orgásticos sou EU hoje e espero que ainda viva muitos para que minha alma seja tocada muitas vezes. Beijos no coração :)

    ResponderExcluir
  5. Essa sensação que temos, que nos faz acreditar que Elton John cantou Your song pra vc, é a mesma que me faz sentir que LM cantou Tu, solo tu para mim...momento único eu embaixo do palco e ele me olhando...momento orgástico!!!! Ludmila, vc faz tanta diferença no meu sentir, no meu espírito do dia que quero dizer isso pra todo mundo!!! Momentos orgásticos como este que vc descreve faz a gente viver emoções, se soltar...e acredite...as vezes venho te ler pra poder seguir...e vc sabe do que falo!!! Continuaremos com nossos tolos (para alguns) momentos orgásticos, mas a vida tem um sabor muito doce para nós!!! Bjs, minha Deusa!!!

    ResponderExcluir

Sempre leio todos os comentários e gosto muito de recebê-los!