sexta-feira, 12 de junho de 2009

Dia dos namorados...Sou tão Clichê!

Estou sem namorado esses dias. Meu amor está viajando. Ele está bem, viagem de trabalho. Ele está animado e feliz, isso é o que importa.

Isso é o que importaria!...se eu não fosse tão clichê!

Mas sou clichê!
Acho que sou clichê e egocentrada...
Adoro dia das Mães... adoro Dia dos Namorados...adoro qualquer dia que seja meu também!

Tinha problemas com meu aniversário, porque é perto do Natal... e fazer concorrência com Jesus nunca foi meu forte! É uma concorrência desleal, sempre perco...

Acho que é por isso que eu adoro as datas que são minhas também.
Sei o quanto essas datas servem pra ao comercio, não sou uma pessoa alienada nem obtusa, longe disso...sei a quem serve ter essas datas...mas eu gosto!
Simples assim...eu adoro ter meu namorado perto de mim nessa data! Adoro brindar e adoro ganhar presente também..
Não gosto quando ele tá longe de mim em nenhuma data, aliás...eu não gosto de ficar longe dele...

Digo que vouaproveitar esses dias para ler, escrever, que vou arrumar coisas, que vou ligar pra amigas...mas não faço nada disso...fico aqui...sem namorado.

Sou casada desde 1985, serão 24 anos em dezembro. Namoramos 2 anos...são 26 anos, bem mais da metade da minha vida! Ele é meu amigo, meu amante, meu companheiro, meu namorado. Ele é o pai dos meus filhos. Ele me conhece como ninguém e me ama como ninguém.

Ele me ama com fartura, é declarado o seu amor. Ele cuida de mim e torce por mim. Ele me acha exagerada, emocional demais...mas engole meus defeitos numa boa...ele me admira, tem orgulho de mim, e tem desejo por mim. Eu sempre achei que ele só não era perfeito, porque não sabia dançar....mas eu também não sei dançar...então...tudo bem!

Ultimamente tenho cuidado mais dele do que ele de mim. Tenho me preocupado com ele...mas, descubro que com o câncer ele ficou ainda mais lindo, mais admirável, mais corajoso, mais tranquilo... aliás, ele não me surpreendeu em nada...ele continuou o mesmo cara de sempre, só que melhor...entretanto ele diz que se surpreendeu comigo...ele não me imaginou tão companheira e cuidadora...isso, claro, não é um elogio, percebo como ele e a vida me dão chances sempre de ser uma pessoa melhor e menos egoísta, e sou grata por isso.

Vivo um amor tranquilo nesses muitos anos da minha vida....vivemos uma paixão muito intensa, uma amizade que não perdeu o calor nunca, somos amantes e amigos....penso que mereço isso...e que nos merecemos...

Bom...hoje é Dia dos Namorados e o meu amor está muito longe de mim....ele está no Texas...e ainda vai demorar pra voltar...mas já avisei quando voltar vou querer meu presente, porque sou absolutamente Clichê não tenho nenhuma vergonha disso!!!

Ludmila

5 comentários:

  1. Que o seu namoro seja eterno!
    bjobjo

    ResponderExcluir
  2. lindooooo adoro Histórias de amor....

    ResponderExcluir
  3. Lud
    Só vou dizer uma coisa: Como o Universo é maravilhoso. ACABEI de publicar no meu blog um post que na ultima parte fala extamente sobre o que vc escreveu. Rapaz, foi praticamente uma resposta ao que eu escrevi.
    Adorei.
    E ser cliché é o maximo. Não ser é um porre. Um saco !!! hahaha
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Lud
    Que coincidencia!Sou casada desde dezembro de 1985,namoramos também por 2anos(desde1983),faremos 24anos juntos.Também adoro comemorar o dia dos namorados(e outras datas marcantes)e trocar presentes.Bom saber que Judson está bem.
    Tenham um lindo dia dos namorados.
    Bjs.CrisKelsch

    ResponderExcluir
  5. Sua relação de AMOR, independetemente a ser com marido,filho,gatão....é algo mágico, tudo bem ,egocêntrico um tiquinho,nostálgico,mas positivo,lindo, de dar inveja,
    Marcelo anda com vergonha de me beijar...sente bergonha do corpo que tem agora...só Freud né Lud??Nem beijo ganhei no Dia dos Namorados...HUMPF...mas tudo bem...bjo!Gatão deve estar paquerando por aí,seguiu uma princesa do oriente e viverá feliz para sempre...pensemos assim..rs

    ResponderExcluir

Sempre leio todos os comentários e gosto muito de recebê-los!